sexta-feira, 23 de abril de 2010

ILUMINAÇÃO

Hoje estou desconsolada! Há um tempinho atrás fomos à São Paulo e aproveitamos a viagem para comprar as luminárias na Consolação, visto que apesar dos custos com a viagem, o investimento seria menor do que se tivéssemos comprado aqui em Natal. Compramos desde pendentes à reatores. Nada chegou com defeito. Mas, essa semana o eletricista iniciou as instaçaões e percebeu que vieram lâmpadas que não se encaixavam em nenhum luminária. Resultado: estou com 37 lâmpadas erradas. Ou melhor, a lâmpada é certa, mas o bocal é diferente do encaixe das luminárias. Acho que não vale a pena devolver a loja, pagar frete, para trocar lâmpadas! Mas será que alguma loja aqui em Natal faria essa caridade?

Vou tentar resolver esse probleminha depois... Mas também é sobre ILUMINAÇÃO que gostaria de conversar hoje, pois senti muita dificuldade na hora de escolher o tipo de lâmpada ideal para cada ambiente.
Penso que a iluminação é a verdadeira criadora de ambiente. Esta nos permite melhorar a comodidade interior e instaurar o descanso na casa, ou seja, tem poder tranquilizador ou estimulante. 
A iluminação precisa estar em sintonia com a decoração, ou seria o contrário?
Como cada ambiente necessita de um tipo de iluminação e cada tipo de iluminação requer um tipo específico de lâmpada, podemos ficar perdidas na hora da decisão.

As lâmpadas podem ser: 
Incandescentes - Esse tipo de lâmpada ainda é  utilizado na iluminação de interiores em praticamente todos os ambientes, no entanto tem menor eficiência luminosa e menor tempo de vida, sendo também o de menor custo; 


Fluorescentes - A durabilidade dessas lâmpadas é de cerca de 7.000 horas. Apresenta um ótimo  índice de reprodução de cor. As amareladas dão uma sensação de mais aconchego que as brancas. Além de apresentarem um baixo consumo

 Halógenas - Estas lâmpadas têm funcionamento semelhante ao das lâmpadas incandescentes, no entanto sua vantagem é conseguir recuperar o calor liberado, reduzindo a necessidade de eletricidade para manter a iluminação. Ou seja, produzem mais luz com menos potência. As halógenas possuem um facho de luz concentrado ideal para destacar objetos, quadros e obras de artes, elas podem ser: dicróicas, AR, bipino e PAR.




 LEDs (Diodos Emissores de Luz) - São dispositivos que convertem a energia elétrica em energia luminosa. De baixíssimo consumo e vida útil extremamente longa, mas ainda com um custo alto.

 




Devia ter estudado um pouquinho antes das compras....

12 comentários:

Lola Sciwinzki disse...

Querida não desanime, vc vai conseguir resolver sobre as lâmpadas.
Vamos torcer pra dar certo.
O futuro marido aqui sempre faz projetos luminotecnicos, ele usa um programa q diz qual a lampâda correta e a quantidade pra cada tipo de ambiente.
Boa sexta-feira.
Bjs.

Flávia disse...

Oi, Carola!

Que chata essa história das suas lâmpadas... espero que você consiga resolver logo.

Adoooro essa iluminação de jardins...

Bjsss

Lucila Zahran Turqueto disse...

Oi Carola, tudo bem? Nem me fala, fazer um blog de deixá-lo sempre atualizado dá mesmo um super trabalhão rssss Dei uma olhada no seu e adorei, sues posts são super completos, as imagens são bonitas o texto bacana. Mas vou te contar que na época em que estava começando o meu recorria muito a tutoriais do Google. Se vc quiser algumas infos específicas me manda um email, eu demoro mas procuro sempre responder rsss. Bjs Lú

Carla... disse...

Nossa Carola...

que chato, heim? Mas olha só... se não conseguir resolver com as lojas daí, depois que você decidir cada tipo de lâmpada, pode ainda tentar trocar.

Acho que o PAC, apesar de demorar um pouco mais, não sai tão caro.

Já nao posso opinar no tipo de lâmpada, pois não entendo nadinha. Na verdade, acho que vou aprender um montão de coisas com vc mesmo. hehehe

Beijocas...
Carla.

Larissa L. disse...

Oi Carola,
Segue uma diquinha básica:
Fluorescente serve para função, ou seja, cozinha, escritório, locais de trabalho.
Halógenas servem para destaque: em um ambiente que não precisa ser intensamente iluminado pois não se desenvolve nenhuma atividade muito precisa, pode-se usar só essas.

Bj

Karen S. disse...

Nossa que sacanagem 37 lâmpadas 'perdidas'.... acredito que existe alguma loja que consiga trocar isso pra vc! Boa sorte com as lâmpadas e a iluminação!
Bjos

Ellen Daiane disse...

Oi, vim conhecer seu blog, nossa são muitas lãmpadas hein...tente, quem sabe vc consegue a troca na sua cidade msm....
Bjks

Paulinha e Fabiano disse...

Com certeza, a iluminação é um ponto que deve ter muita atenção, se deseja ter uma decô legal! Ela cria situações, cenários, dá aconchego... São incríveis os efeitos!
Poxa, menina... Fiquei pensando no que poderia ser feito para te ajudar nessa questão das lâmpadas... Acho difícil alguma loja querer comprar as peças, ou trocá-las. Mas, vc tendo a nota fiscal, não custa tentar, né?
Já pensou em oferecê-las para algum mestre de obras, ou obra vizinha à sua? De repente, né?
Boa sorte!
um beijo!
Paulinha
Reformando Nosso Apê

Larissa L. disse...

Oi Carola,
Vi a penteadeira na loja e tirei a foto com o celular! hihihi
Eu percebi que o site não é muito completo pq também fui procurar uma coisa que vi na loja e não achei no site...

Bj

Janegal disse...

Carola, esse seu post e uma aula de ilumninacao - muito obrigada. Esclareceu varias duvidas que eu tinha.... super bom - deveria ser publicado em uma revista!!

Boa sorte com as lampadas!! Ja considerou usa-las do lado de fora, numa garagem, quarto de despejo, algum outro lugar? Se nao der para vender ou trocar, que tal fazer uma doacao para uma caridade local?

Beijos e boa sorte na sua obra!!

Susi disse...

Carola, iluminaçao é super importante mesmo, temos que estar atenta. Nossa mas que prejuizo o das lampadas.
Vc perguntou de onde è a faquinha que postei,o site onde vc pode encontra-la é esse www.pylones.com
bj

Pâmela Veríssimo disse...

EU PRECISAVA TANTO DESSA EXPLICAÇÃO!!! KKKKKKK
OBRIGADA E SUA CASA É UM LUXO!!!!!!!